Norberto R. Keppe

Norberto R. Keppe fez sua formação psicanalítica em Viena, onde foi treinado por professores como Viktor E. Frankl (Hospital de Policlínicas, Escola de Análise Existencial), Knut Baumgarten (Child Guidance Clinic) e Igor Caruso (Círculo de Psicologia Profunda). É fundador e presidente da Sociedade de Psicanálise Integral ou Trilogia Analítica (1970) desenvolvendo sua própria teoria e método científicos de tratamento de doenças psíquicas, sociais e orgânicas. Foi capaz de integrar as áreas da ciência, da filosofia e da espiritualidade, criando um novo campo chamado de psico-sócio-patologia.

Lecionou como professor convidado na Pontifícia Universidade Católica (PUC), e na Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo (USP), entre outras instituições e faculdades.

Norberto R. Keppe fundou e chefiou o Grupo de Estudos de Medicina Psicossomática junto à Clínica de Gastroenterologia do Prof. Edmundo Vasconcelos, no Hospital das Clínicas da Universidade de São Paulo.

É autor de 38 livros, alguns traduzidos em mais de 8 idiomas além do português. Trabalhou durante 13 anos nos Estados Unidos e Europa, onde desenvolveu importante parte de sua obra no campo da Sociopatologia, da Metafísica e da Nova Física (1996). Seu trabalho na Nova Física deu início à tecnologia sustentável do Keppe Motor capaz de economizar até 90% de energia ou mais.

Keppe se debruçou no estudo da Física chegando a dar-lhe um novo nome: Energética ou A Nova Física - pois a desinversão da Metafísica Aristotélica possibilitou seu entendimento sobre a origem e funcionamento energético de todos os seres. Daí escreveu importantes obras sobre o assunto, culminando com o livro onde realiza a unificação da Física, Biologia e Psicologia. A tecnologia Keppe Motor é a aplicação prática dessa Nova Física Trilógica, também chamada Magnetônica por Keppe (estudo do magnetismo).

Conferencista internacional, foi considerado pelo CNRS (Centro Nacional de Pesquisa Científica) da França como "sem dúvida o mais original autor heterodoxo entre os contemporâneos."

De volta ao Brasil em 1997, continua presidindo a Sociedade Internacional de Trilogia Analítica (Psicanálise Integral), o seu trabalho de atendimento clínico, treinando psicanalistas, escrevendo livros sobre psico-sócio-patologia. Como pesquisador de Física, orienta o grupo de engenheiros do Keppe Motor em seus desenvolvimentos tecnológicos.

Como comunicador carismático, produz programas científicos e terapêuticos para televisões abertas e educativas e para rádios, e levados ao ar em praticamente todos os estados do Brasil. Traduzidos para 5 idiomas são veiculados em mais de 200 canais, de 40 países.

Desenvolveu, entre outras atividades, o método psico-linguístico trilógico que é aplicado nos Trilogy Institute (Escolas de Línguas Millennium) e os conhecimentos da psico-sócio-terapia, disciplina ensinada em cursos livres e de pós graduação em São Paulo.